0

SP: acervo de 12 anos é furtado da casa do cartunista Laerte

3 mai 2012
08h40
atualizado às 08h53

Um acervo com 12 anos de trabalho do cartunista Laerte Coutinho foi furtado da casa do artista na madrugada de terça-feira. Os desenhos, feitos desde 2000, estavam em dois computadores e em um disco rígido externo que foram levados. Laerte, que trabalha em casa, disse que costuma a iniciar os trabalhos no papel, mas que faz a finalização no computador. "Tenho cópias de alguns destes desenhos em CD. Mas muitos deles estão ilegíveis", afirmou o cartunista. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

O furto ocorreu às 5h de 1º de Maio, de acordo com os vizinhos. Laerte mora em uma casa no bairro do Rio Pequeno, na zona oeste de São Paulo. De acordo com as informações passadas à polícia, a casa foi invadida pela porta da cozinha e vasculhada. Os criminosos reviraram também os arquivos físicos de documentos. "Eles levaram também um aparelho de DVD. Não havia muitos eletroeletrônicos de valor. Até os dois botijões de gás sumiram." Laerte voltava de uma viagem a Minas Gerais, no feriado, quando percebeu algo estranho."Cheguei por volta das 15h. As minhas gatas estavam na rua, logo percebi que havia algo de errado." As delegacias do Jaguaré e do Butantã, próximas à casa do cartunista, registraram 21 roubos a residências entre 1º de janeiro e 10 de março.

Fonte: Terra
publicidade