1 evento ao vivo

Sem familiares, ex-dançarina do Bolinha é enterrada em SP

23 mai 2012
21h39
atualizado em 23/7/2018 às 09h50
Géro Bonini
Direto de Botucatu

Sem a presença de nenhum familiar ou amigo, o corpo da ex-dançarina do programa Clube do Bolinha, da TV Bandeirantes, Marta Rodrigues Nascimento Marins, 49 anos, foi sepultado no final da tarde desta quarta-feira, em Sorocaba, no interior de São Paulo. Marta foi encontrada morta na terça-feira, com golpes de faca na região do pescoço.

Em avançado estado de decomposição, o corpo da ex-dançarina foi retirado do Instituto Médico Legal e levado direto ao Cemitério Municipal Santo Antônio, a pedido da Delegacia de Investigações Gerais (DIG). De acordo com o delegado Acácio Leite, não há suspeitos do homicídio. "O crime será investigado, mas como tudo ainda é muito recente, não temos suspeitos neste momento", afirmou.

A causa da morte da vítima, que utilizava o nome artístico Marta Marin, só sairá após um laudo pericial, que deverá ocorrer em até 30 dias. Segundo os vizinhos, a ex-dançarina morava em uma casa simples no bairro Cidade Jardim, da zona oeste de Sorocaba, na companhia de apenas dois cachorros. Ela não teria contato com nenhum familiar há anos.

O Clube do Bolinha foi um programa de auditório exibido aos sábados,entre 1974 e 1994. Apresentado por Edson Cury, conhecido como Bolinha, revelou alguns talentos da música brasileira, que participaram da atração no início de suas carreiras.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade