0

Rio: polícia prende suspeito de abusar de vizinha de 11 anos

27 jan 2011
08h28

Um homem de 50 anos, acusado pela própria mulher de abusar sexualmente de uma vizinha de 11 anos, foi preso no início da madrugada desta quinta-feira por policiais do Grupamento de Ações Táticas (GAT) da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do Morro da Formiga, na Tijuca, zona norte do Rio de Janeiro.

A mãe da menor contou que conversava com amigas por volta das 21h30 quando a mulher do vizinho Édson Machado da Silva, 50 anos, chegou dizendo que havia flagrado, pela janela, o homem acariciar a menina dentro do quarto. A criança confirmou à mãe que havia sido molestada por Édson. Acionados, os policiais da UPP iniciaram um cerco, reforçaram o policiamento nas princiais vias de acesso à comunidade e encontraram o suspeito em uma mata da localidade conhecida como Niteroizinho.

Segundo o policial Artur Costa, o suspeito teria confessado o crime e assumido a autoria de pelo menos outros cinco abusos a meninas da comunidade, todas com idade inferior a 15 anos. Édson alegou sofrer de problemas psicológicos. Segundo a polícia, o laudo do Instituto Médico Legal (IML) constatou que houve abuso, porém sem penetração.

A mãe da vítima disse que a filha contou que o suspeito já a tinha abordado, dizendo que vinha tendo sonhos eróticos com ela. Ainda segundo a mãe, a filha teve a boca tampada e foi levada para o quarto do acusado, do lado de fora da casa. Ele e a mulher vivem juntos, mas dormem em quartos separados, segundo a mãe da menina.

Édson vai responder pelo crime de estupro de vulnerável e pode ser condenado a uma pena de 8 a 15 anos de prisão. A menina foi encaminhada para exame psicológico.

Com informações do jornal O Dia .

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade