publicidade
18 de julho de 2012 • 11h24

Rio: mais 1 é preso por golpe de garotas de programa em turistas

 

Em operação iniciada na manhã desta quarta-feira, a Delegacia de Apoio ao Turista (Deat) prendeu mais uma pessoa suspeita de participar da quadrilha de garotas de programa que aplicava golpes em turistas em Copacabana, zona sul do Rio de Janeiro. Segundo informações da Polícia Civil, a prisão aconteceu em Nova Iguaçu. Ainda não há informações sobre a identidade do detido.

A operação iniciada no sábado, já havia prendido 16 suspeitos - 12 mulheres e quatro homens, que seriam companheiros das suspeitas. De acordo com a polícia, os agentes seguirão a ação para cumprir outros mandados de prisão hoje.

A quadrilha, segundo a polícia, aplicava golpes que ficaram conhecidos como Boa Noite Cinderela e CTRL+C. Segundo a Polícia Civil, as garotas procuravam turistas em boates e os dopavam com remédios. Então, roubavam os cartões das vítimas e os copiavam em máquinas portáteis de crédito ou débito automático que elas próprias possuíam.

As mulheres sacavam o valor máximo permitido pelo banco e depois devolviam os cartões aos turistas, que só percebiam o golpe quando recebiam a fatura do cartão. Um dos golpes chegou a R$ 80 mil.

Terra