publicidade
25 de fevereiro de 2013 • 20h41 • atualizado às 20h47

Procurado em SC e SP, 'Galã do Facebook' é preso no AM por estelionato

Leandro Lentz Bittencourt seduzia mulheres em redes sociais e salas de bate-papo para aplicar golpes financeiros

Estelionatário tinha contra si três mandados de prisão expedidos
Foto: Polícia Civil / Divulgação
 

A Polícia Civil do Amazonas prendeu nesta segunda-feira um homem suspeito de praticar estelionatos em Santa Catarina e São Paulo. Conhecido como "Galã do Facebook", Leandro Lentz Bittencourt, 33 anos, usava as redes sociais e salas de bate-papo na internet para seduzir mulheres e, após conquistar a confiança delas, aplicava golpes.

Com três mandados de prisão em aberto pelos crimes de estelionato e porte ilegal de arma de fogo registrados em cidades catarinenses e paulistas, o Galã do Facebook teve seu paradeiro descoberto por agentes da Delegacia Especializada em Capturas da polícia amazonense e acabou preso por volta das 13h, no Hotel Brasil, no centro de Manaus.

Leandro atuava nas redes sociais, onde selecionava suas vítimas, principalmente mulheres bem sucedidas e independentes. Após seduzi-las, o estelionatário as usava para obter dinheiro, bens e empréstimos. As mulheres só percebiam que se tratava de um golpe após o desaparecimento do homem.

A Polícia Civil do Amazonas investigava o estelionatário há três meses, monitorando-o pelas redes sociais. Durante passagem por Manaus, o suspeito esteve hospedado em pelo menos cinco hotéis da cidade e é acusado de não pagar pelas diárias.

Terra