Polícia

publicidade
04 de maio de 2012 • 21h01 • atualizado às 21h16

Presos 10 suspeitos de integrar o PCC no interior de SP

Rose Mary de Souza
Direto de Campinas

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) - Núcleo Campinas - e a Polícia Militar, em uma operação conjunta realizada em cinco cidades, nesta sexta-feira, efetuaram a prisão de 10 pessoas investigadas por tráfico de drogas na região de Atibaia.

A ação foi articulada a partir de investigações realizadas durante oito meses pelo Ministério Público, que resultaram em 14 mandados de prisão, além de 15 mandados de busca e apreensão, segundo o promotor do Gaeco de Campinas, José Cláudio Tadeu Baglio. Foram cumpridos mandados nos municípios de Atibaia, Mairiporã, São Paulo, Nazaré Paulista e Bom Jesus dos Perdões.

Os acusados devem responder pelos crimes de associação ao tráfico de entorpecentes e distribuição de armas. Eles também são suspeitos de integrar a facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

O suspeito Adelson Paes Leme morreu em confronto com a polícia, em uma chácara de Mairiporã. No local foram encontrados 5 kg de maconha e 1 kg de cocaína. Charles Mauro da Silva e Marcos Fabiano de Souza Dias não foram localizados e são consideradas foragidos.

Apreensão
Além das ações realizadas no interior de São Paulo, cerca de 1 t de maconha foi apreendida em um caminhão em Dourados, município localizado no Mato Grosso do Sul, cuja conexão é vinculada aos acusados que estão detidos em local não revelado.

A Operação Poeira, como foi denominada, deve prosseguir até o domingo em Atibaia, Bragança Paulista, Bom Jesus dos Perdões, Mairiporã, e no bairro Jaçanã, na Capital Paulista.

Especial para Terra