13 eventos ao vivo

Polícia pede prisão de suspeita de matar marido no Rio

14 jun 2009
01h08
atualizado às 01h51

A delegada Juliana Domingues pediu a prisão preventiva da mulher do empresário Renato Biazoto, 52 anos. Alessandra D'ávila, 35 anos, é suspeita de matar o marido a facadas na manhã desse sábado em um condomínio de luxo na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio de Janeiro.

Alessandra D' Ávila, 35 anos, é suspeita de matar o marido, Renato Biazoto, 52 anos
Alessandra D' Ávila, 35 anos, é suspeita de matar o marido, Renato Biazoto, 52 anos
Foto: Reprodução

Até a noite de ontem, Alessandra permanecia foragida. A Polícia Federal está em alerta para evitar que ela saia do País, já que teria dupla nacionalidade: brasileira e americana.

Uma dos motivos para o crime seria o ciúme doentio de Biazoto. Os investigadores trabalham com a hipótese de Alessandra ter esfaqueado o marido durante uma briga por ela ter acessado a internet, já que em um computador apreendido no apartamento do casal estava aberto um site de relacionamentos do qual ela participa de quase mil comunidades.

Segundo um amigo do casal, os dois brigavam muito por conta disso. No ano passado, Alessandra até arremessou um cinzeiro que atingiu a cabeça do empresário. O caso foi registrado na 16ª DP (Barra da Tijuca).

Jornal do Brasil Jornal do Brasil
publicidade