5 eventos ao vivo

PM usa balas de borracha em revolta popular na UPP da Mangueira

17 jul 2013
12h00
atualizado às 12h01
  • separator
  • 0
  • comentários

Após a queda e morte de uma jovem de 13 anos de um prédio do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na zona norte do Rio de Janeiro, a Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da Mangueira teve de usar balas de borracha para conter a revolta popular no principal acesso à comunidade, localizado na rua Visconde de Niterói, na noite da última terça-feira. Jennifer Ferreira caiu do terceiro andar do antigo prédio do IBGE, invadido por diversas famílias, que vivem no edifício em condições precárias.

O corpo ficou no local, aguardando a perícia, e um grupo de pessoas, com ânimos exaltados, começou a jogar paus e pedras contra os policiais da UPP que estavam cercando o local. Para acabar com o tumulto e cessar os ataques contra os policiais e viaturas, os PMs da UPP usaram armas com balas de borracha. Durante a ação, um homem não identificado foi preso por desacato e encaminhado para a 17ª DP (São Cristóvão). 

 

Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade