3 eventos ao vivo

Mal entendido leva homem à prisão por sequestro em GO

3 fev 2010
12h40
atualizado às 23h09
Márcio Leijoto
Direto de Goiânia

Um mal entendido na cidade de Luziânia (GO), no Entorno do Distrito Federal, resultou na prisão de um homem por suspeita de tentar sequestrar uma criança e um adolescente. O município sofre com uma onda de desaparecimentos de jovens. Desde o dia 30 de dezembro do ano passado, pelo menos seis sumiram.

Segundo a Polícia Civil, a dona de casa Tereza Alves de Oliveira, 50 anos, acompanhada da filha Carolyne, 11 anos, pediu carona para um homem de 64 anos, em um Kadett branco, por volta das 11h desta quarta-feira. No entanto, ele disse que não podia ajudá-la, alegando que estava trabalhando e precisava ir a uma escola. Quando saiu do colégio, o homem encontrou as duas novamente e ofereceu a carona.

Tereza aceitou e convidou o homem para tomar um café em sua casa. Ela pegou seu filho José Eduardo, 13 anos, e pediu outra carona para ir a um colégio e regularizar a transferência escolar do garoto. Durante o trajeto, o homem contou que era do Ceará e foi a Goiás para a formatura de sua filha. Ele disse ter aproveitado a viagem para vender kits de jogos infantis para escolas da cidade. Ao deixar Tereza e os filhos no local, a mulher ofereceu as crianças a ele para ajudá-lo a encontrar outras instituições de ensino. Ele topou e foi embora com elas.

Porém, depois de 50 minutos sem as crianças, a mulher, aflita, acionou a polícia e avisou outros dois filhos ¿ Priscila, 21 anos, e Magno Bruno, 23 anos. O mais velho encontrou o homem em frente a uma escola no Setor Estrela Dalva, bairro onde foi registrado sumiço de outros jovens em Luziânia. A Polícia Militar chegou cinco minutos depois. Antes disso, moradores já começavam a cercá-lo e chutar o veículo.

Depois que o homem foi preso, familiares de jovens desaparecidos foram para a delegacia do município na esperança de que os sumiços fossem esclarecidos. Mas duas horas depois, a polícia já informava sobre a confusão. "Se fosse meus filhos, nunca deixaria saírem com um estranho. Mas essa mulher parece ser uma pessoa muito humilde, simples, daquelas que confiam na bondade de todo mundo", disse o delegado Norton Luiz Ferreira. Tereza tem nove filhos.

A filha e a ex-mulher do homem preso confirmam a história dele. No carro foram encontrados jogos pedagógicos e cartões onde ele oferece os brinquedos. "A história dele procede, é isso mesmo", afirmou o delegado.

Fonte: Especial para Terra

compartilhe

publicidade
publicidade