0

Gloria Perez diz que vai publicar detalhes de morte da filha em blog

14 dez 2012
12h50
atualizado às 13h07
  • separator
  • 0
  • comentários

A autora Gloria Perez comentou no Twitter que continua levantando material para publicar em um blog sobre o assassinato de sua filha, Daniella Perez, morta em 1992. "Estou organizando as provas do processo num blog ainda em construção: vídeos, documentos, áudios...", disse a autora de Salve Jorge no Twitter na madrugada desta sexta-feira.

Gloria Perez voltou a falar do assunto após a entrevista do ator Guilherme de Pádua, condenado pelo assassinato de Daniella, veiculada no último domingo no programa Domingo Espetacular, da Rede Record. Na ocasião, a escritora postou uma foto da filha morta argumentando que antes do crime, Daniella levou um soco no rosto. "Quem quiser saber porque esse michê vagabundo foi condenado, aqui está o processo", escreveu, disponibilizando um link para um site pessoal, que ficou fora do ar logo depois.

A escritora prometeu publicar documentos sobre o caso no Twitter
A escritora prometeu publicar documentos sobre o caso no Twitter
Foto: Reprodução
 
Após o episódio, Gloria Perez passou a publicar textos e reportagens contra o assassino confesso de sua filha. Em um dos desabafos, ela critica a emissora que fez a entrevista por ter, supostamente,  oferecido dinheiro ao ex-ator pelas declarações. Segundo reportagem do Jornal do Brasil, citada por Gloria, Guilherme de Pádua teria recebido R$ 18 mil para dar a entrevista ao jornalista Marcelo Rezende.
 
Na entrevista, Guilherme assumiu que participou do crime, mas afirmou que os golpes de tesoura que ocasionaram a morte de Daniella foram dados por Paula Thomaz, sua mulher na época. Segundo o ator, Paula golpeou a atriz, já desacordada, com uma tesoura para criar um falso álibi. "Eu perguntei por que ela tinha feito, e ela disse: 'Isso é para eles pensarem que foi algum fã maluco, porque fãs malucos fazem isso'", contou. Ambos foram condenados a 18 anos de reclusão pelo assassinato. A pena já foi cumprida. 
 
Em seu canal no Youtube, a escritora disponibiliza vídeos da filha e do julgamento que condenou Guilherme e Paula. Em um dos links publicados no perfil do Twitter de Gloria Perez, aparece uma denúncia de um ex-companheiro de cela de Guilherme de Pádua. Segundo o homem, certa vez um dos presos teve de ser levado a um hospital após ser desacordado por uma "gravata" aplicada por Guilherme, que ensinava golpes aos outros presos para que utilizassem na fuga, contra policiais. Com esse texto, Gloria Perez questiona a informação de que o ex-ator tenha se convertido na cadeia.
 
A página Daniella Perez - Arquivos de um processo mostra reportagens, artigos, textos e vídeos do juri e da imprensa sobre o assassinato que chocou o país, a maioria publicada em 2010.
 
 
 
 
Fonte: Terra
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade