Polícia

publicidade
13 de junho de 2011 • 12h42 • atualizado às 12h55

DF: Polícia Civil incentiva uso da internet e Disque-Denúncia

 

A Polícia Civil do Distrito Federal lançou nesta segunda-feira uma campanha para incentivar o uso da internet e do Disque-Denúncia (197) no registro de ocorrências. Até o dia 22, agentes da Divisão de Controle de Denúncias e Ocorrências Eletrônicas (Dicoe) vão distribuir folders com explicações sobre esses serviços.

Durante toda a campanha, das 6h às 9h e das 17h às 20h, eles visitarão oito estações do metrô para orientar o público. Hoje, o horário de atendimento do posto da Estação Central (na Rodoviária de Brasília) está diferenciado, funcionando das 6h às 20h, ininterruptamente.

Segundo a diretora da Dicoe, a delegada Christianni Viegas Zago, no ano passado foram registradas 12,8 mil denúncias. Neste ano, até maio, o número chegou a 7,9 mil. "Sentimos que a sociedade tem um certo receio em denunciar, e não é isso que queremos. É necessário uma parceria entre polícia e população, pois garantimos sigilo absoluto", afirmou.

Por meio da Delegacia Eletrônica, o usuário poderá registrar ocorrências de extravio de documentos ou objetos, acidentes de trânsito sem vítima, furtos, desaparecimento e localização de pessoas, no endereço www.pcdf.df.gov.br. O Disque-Denúncia (197) e o e-mail denuncia197@pcdf.df.gov.br possibilitam à população fazer, a qualquer hora, denúncias de crimes e localização de procurados pela Justiça, entre outras.

Para a vendedora Cássia Duarte, 33 anos, a iniciativa é muito importante, pois nem todos conhecem o serviço. "Muitos ligam direto para o 190, não sabendo que o 197 pode atender algumas de nossas demandas. Sem falar da denúncia eletrônica, que facilita", disse ao receber o panfleto da campanha.

Os postos de atendimento estarão localizados próximos às catracas de acesso das estações Central, Galeria dos Estados, Park Shopping, Feira do Guará, Arniqueiras, Águas Claras, Praça do Relógio e Ceilândia Centro.

Agência Brasil