0

Confronto entre torcedores mata 1 e fere 12 em Jundiaí

22 fev 2010
03h28
atualizado às 11h28

Um confronto entre torcedores do Palmeiras e do São Paulo no final da noite de domingo deixou uma pessoa morta e 12 feridos, na rodovia dos Bandeirantes, em Jundiaí. Segundo o Hospital São Vicente de Paula, o torcedor do Palmeiras Alex Furlan Santana, de 29 anos, morreu após ser baleado na cabeça. Outros três torcedores do Palmeiras também foram baleados no confronto, mas nenhum deles corre risco de morrer.

Um outro torcedor do Palmeiras, Rafael Vinícius Moura, de 26 anos, perdeu a mão vitimado por uma bomba caseira. O torcedor está no centro cirúrgico do Hospital São Vicente de Paula e não corre risco de morrer. Outras oito pessoas, sete torcedores do Palmeiras e um do São Paulo, ficaram feridas por agressões durante a briga.

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual, cerca de 200 torcedores do Palmeiras e do São Paulo que tomavam o rumo do interior se encontraram na rodovia dos Bandeirantes, em um local próximo a um posto de gasolina, por volta das 23h30 do domingo. O confronto entre os torcedores interditou a rodovia dos Bandeirantes por cerca de 20 minutos, na altura do km 58, até a chegada da polícia.

Não há registro de prisões efetuadas no local. O caso está sendo encaminhado à Delegacia Seccional de Jundiaí. A Polícia Militar segue no local investigando o caso.

Outros confrontos
Após o clássico entre Palmeiras e São Paulo disputado neste domingo, no Parque Antártica, foram registrados diversos outros confrontos entre torcedores, que resultaram na detenção de 56 pessoas.

Uma briga entre torcedores do São Paulo e do Palmeiras deixou dois feridos na rua Monte Alegre, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, por volta das 16h30 deste domingo.

Dois torcedores do São Paulo ficaram feridos, sem gravidade, na briga. Eles foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros e encaminhados para a Santa Casa. Os torcedores do Palmeiras conseguiram fugir e ninguém foi preso.

No domingo, torcedores dos mesmos times se enfrentaram em outras duas ocasiões. Segundo a PM, 56 pessoas foram detidas. Os tumultos aconteceram na praça Silva Teles, zona leste capital paulista, por volta das 11h, e na estação Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) Celso Daniel, em Santo André, região metropolitana de São Paulo, por vota das 13h.

No tumulto que aconteceu pela manhã, segundo a PM, torcedores do São Paulo encontraram um ônibus com torcedores do Palmeiras. Os são paulinos estavam em menor número e fugiram do local, mas foram presos pela polícia por portarem ferros, paus e madeiras. Eles foram encaminhados para o 50º DP, no Itaim Paulista.

Na estação de trem em Santo André, o confronto entre torcedores dos mesmos times se encontram no local. Houve briga e vidros foram quebrados. Com a chegada da polícia, os envolvidos fugiram embarcando nos trens, ninguém foi preso.

Fonte: Redação Terra

compartilhe

publicidade
publicidade