7 eventos ao vivo

Condenação seria 3ª maior injustiça, diz pai de Nardoni

22 mar 2010
15h15
atualizado às 15h53
Fabiana Leal
Direto de São Paulo

O pai de Alexandre Nardoni, Antônio Nardoni, afirmou nesta segunda-feira, no Fórum de Santana, que uma possível condenação do filho e da mulher dele, Anna Carolina Jatobá, seria uma das três maiores injustiças cometidas na história do País. Antônio comparou o envolvimento do casal na morte de sua neta Isabella Nardoni com os episódios da Escola Base - quando seis pessoas foram acusadas de abusar de crianças e, porteriormente, inocentadas - e da mãe que ficou presa sob acusação de ter colocado cocaína na mamadeira da filha.

O julgamento começou às 14h17, com uma hora de atraso. No horário, teve início a reunião para a escolha dos jurados que vão decidir se Alexandre e Anna Carolina são culpados pela morte da menina. Será feito um sorteio de sete pessoas para compor o Conselho de Sentença. A acusação e a defesa poderão recusar até três jurados cada.

Antes de ir a júri popular, Alexandre Nardoni falou para o pai que está bem "de coração e consciência". Ele está detido em uma cela separada de Anna Carolina.

Antônio Nardoni afirmou que foi ao edifício London nesta manhã - local da morte de Isabella Nardoni - mas não deu detalhes da visita. "Fui olhar o que tem", disse. O SPTV mostrou imagens do pai de Alexandre acompanhado de dois advogados. Eles analisaram as janelas e as telas de proteção do apartamento.

Fonte: Redação Terra
publicidade