3 eventos ao vivo

Campanha do desarmamento recolhe 9 mil armas em 2 meses

6 jul 2011
13h18
atualizado às 13h30

O Ministério da Justiça informou nesta quarta-feira que a Campanha Nacional do Desarmamento 2011 completa dois meses e que o balanço do período mostra que já foram entregues 9.160 armamentos e 30.901 munições. Os revólveres calibre 38 lideram a lista dos armamentos recebidos pelas polícias Federal e Rodoviária Federal. São 2.436, o que representa 26,5%.

Depois vêm os revólveres calibre 32 com 1.110 unidades (12%). Foram entregues ainda 32 fuzis, quatro metralhadoras e duas submetralhadoras. Cada pessoa entrega, em média, uma arma. No caso das munições, essa média sobe para 36 unidades por pessoa.

Uma das inovações da campanha deste ano, a indenização, retirada pelo próprio responsável pela entrega do armamento, já pagou R$ 835 mil. Os valores por arma são R$ 100, R$ 200 ou R$ 300.

Ainda de acordo com o ministério, a novidade na campanha é que o cidadão não precisa se identificar no momento da entrega; a arma é inutilizada na hora; e há um maior número de postos de coleta. A campanha segue até 31 de dezembro. Depois disso, as entregas continuam sendo aceitas, mas não serão mais anônimas nem indenizadas.

Terra

compartilhe

publicidade
publicidade