Polícia

publicidade
30 de dezembro de 2012 • 09h47

Assaltante mais procurado do RS é morto em assalto a fábrica

 

Três assaltantes morreram e dois policiais ficaram feridos após bandidos explodirem uma fábrica de joias, na cidade de Cotiporã, na serra gaúcha, na madrugada deste domingo. Segundo a Brigada Militar (Polícia Militar local), entre os mortos está o assaltante mais procurado do Estado do Rio Grande do Sul, Elisandro Rodrigo Falcão.

Por volta das 2h, cerca de 10 assaltantes explodiram a fábrica para roubar joias e fugiram com reféns. Eles foram abordados pelos policiais na fuga e houve troca de tiros. Os criminosos conseguiram fugir para um matagal próximo e a polícia segue com as buscas na região com ajuda de cães e helicópteros.

Os reféns foram soltos durante a fuga. A polícia encontrou várias bolsas com as joias roubadas da fábrica, mas ainda não foi possível estimar o que tinha sido levado, uma vez que a ocorrência ainda está em andamento.

Entre os três bandidos mortos estava o procurado numero um do Estado. Falcão era apontado como o responsável por assaltos com dinamite em diversos estabelecimentos comerciais da região.

Os policiais baleados foram levados para o Hospital de Caxias do Sul, um foi atendido e liberado e o segundo, atingido na perna e no braço, deve passar por uma cirurgia, mas não corre risco de vida.

Terra