0

Após denúncia, PM fecha sítio de rinha de galos em MG

21 nov 2010
13h50

A Polícia Militar do Meio Ambiente mineira fechou uma rinha de galos que acontecia em um sítio localizado em Juatuba, na região metropolitana de Belo Horizonte, no sábado.

Segundo a polícia, os oficiais cumpriam um mandado de busca e apreensão com base em uma denúncia recebida sobre brigas de galos que ocorriam no local com muita frequência. O dono da propriedade criaria as aves no sítio e seria responsável também por prepará-las para a prática.

Mais de cem galos foram encontrados, sendo que vinte deles estavam machucados e apresentavam maltratados comuns em aves de rinhas. Os oficiais também apreenderam materiais para treinamento dos animais e acessórios para as brigas, como esporas plásticas e protetores de bicos.

Em uma das casas, a polícia encontrou também uma arma PT 380 e 34 cartuchos intactos.

O proprietário possuía ainda três pássaros silvestres da fauna brasileira mantidos em cativeiro sem registro do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

A única pessoa que estava no lugar no momento da busca ficou detida com a PM. O menor é filho de um amigo do dono do sítio e telefonou ao pai e ao proprietário para que comparecessem à delegacia, sem sucesso. Sem encontrar um responsável pelo jovem, a polícia o levou de volta ao local.

Fonte: Redação Terra
publicidade