0

Aeroportos do Rio aumentam efetivo para receber peregrinos

Galeão terá um 30% a mais de funcionários, enquanto o Santos Dumont vai ter 25% a mais de pessoas para receber fiéis da Jornada Mundial da Juventude

11 jul 2013
23h27
atualizado às 23h29
  • separator
  • comentários

Um grande esquema vai estar em operação a partir do próximo dia 19 de julho nos dois aeroportos do Rio de Janeiro para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ). O efetivo de funcionários do Galeão e do Santos Dumont vai ser ampliado em até 30% para atender a chegada de peregrinos, cardeais, bispos e arcebispos que virão de todo o mundo para o encontro com o papa Francisco, que fará sua primeira viagem internacional desde que assumiu o Pontificado no mês de março. O reforço não será apenas no atendimento das companhias aéreas, mas também no setor de informação, manutenção, limpeza e segurança.

Depois da experiência da Rio+20, no ano passado, e da Copa das Confederações, no mês passado, foi elaborado um plano de contigência para tentar evitar que a cidade viva um caos aéreo no período do evento, que deve reunir cerca de 2 milhões de peregrinos a partir do dia 22 de Julho, data da chegada do Papa ao Rio de Janeiro, até o dia 29, um dia após a missa campal celebrada pelo pontífice no Campus Fidei, em Guaratiba, na zona oeste da cidade.

No Galeão, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) vai montar uma fun zone a partir deste sábado com praça de alimentação, assentos, ar condicionado, internet sem fio, totens de atendimento e informação, auxílio de voluntários, além de entretenimento para quem estiver chegando à cidade. O Comitê Organizador Local da Jornada vai colocar 190 voluntários todos os dias no aeroporto internacional do Rio e mais 108 no Santos Dumont. O espaço de 700 metros quadrados não vai interferir na área destinada a outros passageiros.

Além da Infraero, fazem parte do plano especial a Secretaria de Aviação Civil, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Receita Federal, Polícia Federal, Vigiagro, Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e a Força Aérea Brasileira. Os aeroportos vão receber uma sinalização especial em português e inglês orientado saídas das pontes de embarque até a saída do aeroporto. Além disso, a Infraero vai disponibilizar um transporte especial entre os terminais 1 e 2 do Galeão. 

Papa Francisco no Brasil
Com um público estimado em 1,5 milhão de pessoas, a Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2013 ocorre entre os dias 23 e 28 de julho, no Rio de Janeiro. O evento, realizado a cada dois ou três anos, promove um encontro internacional de jovens católicos o Papa. A última edição da JMJ ocorreu em 2011, em Madri, na Espanha, e reuniu cerca de 2 milhões de pessoas, de mais de 190 países.

O evento marca também a primeira grande visita internacional do papa Francisco desde sua nomeação como líder máximo da Igreja Católica, em 13 de março desde ano. O Pontífice chega ao Rio de Janeiro na tarde do dia 22 de julho, com retorno a Roma previsto para o dia 28. Sua agenda no Brasil contempla a visita à comunidade de Varginha, no complexo de Manguinhos, na zona norte do Rio, e ao Hospital São Francisco de Assis. Além disso, terá um encontro com a sociedade no Theatro Municipal, no centro da cidade, e ao Santuário de Aparecida, em São Paulo. O ponto alto fica por conta de duas grandes celebrações na praia de Copacabana, na zona sul do Rio, nos dias 25 e 26.

Fonte: Terra
  • separator
  • comentários
publicidade