2 eventos ao vivo

Jaime Lerner: 'agora temos alguém que poderá redesenhar a Via Láctea'

7 dez 2012
11h40
atualizado às 12h37
  • separator

Paula Bianchi
Direto do Rio de Janeiro

O arquiteto e ex-prefeito de Curitiba, Jaime Lerner, também fez questão de se despedir pessoalmente de Oscar Niemeyer, e compareceu na manhã desta sexta-feira ao velório do arquiteto, no Palácio da Cidade, sede da prefeitura do Rio de Janeiro, em Botafogo, na zona sul. Para ele, a grandeza de Niemeyer foi além da sua obra.

Qual a obra mais bonita do arquiteto Oscar Niemeyer? Escolha
Veja fotos das principais obras de Oscar Niemeyer
Conheça a trajetória do arquiteto

"Vi pessoas chorando no lançamento do museu em Curitiba. Isso acontecia porque a poesia se misturou a arquitetura", disse, afirmando que a obra de Niemeyer é tão ampla que é possível apreciá-la mesmo sem entender de arquitetura. O arquiteto permaneceu alguns minutos em silêncio ao lado do caixão e depois foi confortar a família. Para ele, a perda é inestimável. "Agora já temos alguém que poderá redesenhar a Via Láctea", disse.

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia (PSDB), também foi ao velório na manhã de hoje. "Em nome de todos os 20 milhões de mineiros, estamos aqui para lembrar o quão importante é Niemeyer", sentenciou ele, lembrando a relação do arquiteto com o Estado mineiro. "A primeira grande obra dele foi a Pampulha, e a última foi a cidade administrativa. Fica aqui o respeito do povo mineiro."

Além de Lerner e Anastasia, outras personalidades passaram pelo velório, como a filha adotiva de Juscelino Kubitschek, Maria Estela, o cartunista Ziraldo e o jornalista e escritor Zuenir Ventura. O governador do Rio, Sérgio Cabral, deixou o velório sem falar com a imprensa.

Morre Oscar Niemeyer
O arquiteto Oscar Niemeyer morreu às 21h55 do dia 05 de dezembro de 2012, aos 104 anos, no Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, de infecção respiratória. Ele estava internado na instituição de saúde desde o dia 6 de novembro, onde alternou quadros de melhoria e de piora na saúde.

Considerado um dos nomes mais influentes da arquitetura moderna mundial, Niemeyer foi responsável pelas principais obras da construção de Brasília, inaugurada em 1960. Carioca, nasceu em 15 de dezembro de 1907 no bairro de Laranjeiras, no Rio.

Veja também:

Bolsonaro fala em 'cartão vermelho' para quem sugere congelar aposentadorias e enterra Renda Brasil
Fonte: Terra
publicidade