inclusão de arquivo javascript

 
 

Após morte de policial, PM invade morro no Rio

02 de maio de 2006 20h57

Trinta homens do 14º BPM (Bangu ) invadiram na manhã desta terça-feira o Morro do Céu, em Senador Camará, Rio de Janeiro, após receber informações de que o traficante José Renato da Silva Ferreira, o Batata, estava no local. Batata é apontado pela PM como o responsável pelo ataque a patrulha do 14º BPM (Bangu) que deixou um policial morto, o cabo Jucélio Soares de Oliveira, e outro ferido, o sargento Jorge Luiz Pedrosa, domingo à noite, em Padre Miguel. Houve intensa troca de tiros, mas o bandido procurado conseguiu fugir.

» Leia mais notícias do jornal O Dia

Houve intenso confronto, que levou pânico aos moradores. O helicóptero Fênix, do Grupamento Aeromarítimo (GAM), seguiu para a favela em reforço. Além de Batata, outros dois comparsas deste, Paulo Roberto Lima da Cruz, o Paulete, e Márcio da Silva Lima, o Tolá, conseguiram escapar. Depois, o veículo blindado do Comando Tático Regional (Cotar) do 14º BPM chegou a vasculhar a comunidade, mas não localizou os criminosos.

Segundo as informações obtidas pelo Serviço Reservado do batalhão, Batata, Tolá e Paulete haviam chegado na comunidade pela manhã em um carro, seguido de outros dois veículos, onde estavam outros integrantes da quadrilha.

Redação Terra