inclusão de arquivo javascript

 
 

Deputado do RJ é encontrado morto na BR-101

19 de dezembro de 2004 01h11 atualizado às 01h11

Albano Reis foi encontrado morto na BR-101.. Foto: Divulgação

Albano Reis foi encontrado morto na BR-101.
Foto: Divulgação

O deputado estadual Albano Reis (PMDB-RJ), 60 anos, foi encontrado morto no final da noite de sábado às margens da BR-101, no km 413, município de Itaguaí, no Rio de Janeiro. Atropelamento é a causa mais provável da morte, segundo a polícia do Estado.

O corpo do deputado apresentava fraturas múltiplas, uma das pernas estava dilacerada e as mãos tinham muitos estilhaços de vidro. O corpo estava a aproximadamente um metro do acostamento, próximo a um dos seus centros assistenciais. Os sapatos do parlamentar, por exemplo, estavam a mais de 50 metros do local onde estava o corpo

A Polícia Rodoviária Federal foi acionada às 23h15 e chegou ao local às 23h30. Somente às 3h é que o corpo foi removido após ter sido examinado pela perícia. O caseiro do centro do deputado e um amigo reconheceram o cadáver.

O corpo de Albano Reis vai ser velado no Palácio Tiradentes, sede da Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro. A polícia ainda não tem pistas sobre o autor do atropelamento.

Albano estava em seu terceiro mandado na Assembléia Legislativa e morreu próximo a um de seus centros de atendimento comunitário, o Albanoel. Ele costumava realizar caminhadas pelo acostamento da rodovia.

O deputado é conhecido como Papai Noel de Quintino pelo costume que tinha de distribuir presentes para crianças do bairro de Quintino, na zona norte da cidade. Na última eleição, ele foi candidato a prefeito de Itaguaí, mas não foi eleito.

Redação Terra