inclusão de arquivo javascript

 
 

Puxador da Caprichosos de Pilares é morto no Rio

09 de agosto de 2004 01h44 atualizado às 01h44

Jackson Martins, 32 anos, puxador da escola de samba Caprichosos de Pilares, foi assassinado hoje de madrugada na rodovia Washington Luís, no município de Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. Ele estava no seu carro, um Fiat Uno, com a esposa, dois filhos pequenos e uma amiga.

De acordo com a rádio CBN, o carro de Martins foi fechado por dois assaltantes, um deles encapuzado. O puxador não resistiu ao assalto, mas ao sair do carro levou dois tiros, sendo um deles na cabeça.

Martins estava indo para um restaurante na rodovia, onde todos os domingos participava de um pagode com amigos. A polícia desconfia que ele tenha sido confundido com um militar ou um policial, já que no carro havia um adesivo do Exército.

Familiares de Martins estão em uma delegacia no centro de Duque de Caxias. A mãe e o irmão do puxador de samba chegaram há pouco no local.

Redação Terra