inclusão de arquivo javascript

 
 

Rio Grande do Sul registra o dia mais frio do ano

14 de junho de 2004 07h44 atualizado às 07h44

A temperatura mais baixa do ano, -4ºC, no Rio Grande do Sul, foi registrada na madrugada de domingo na região Sul, ainda na estação do outono. Este é, de acordo com a Globonews, o outono mais frio na região Sul nos últimos 16 anos. Quatro cidades gaúchas e duas catarinenses tiveram queda de neve no sábado.

As temperaturas baixas podem ter feito duas vítimas. Um homem morreu supostamente de hipotermia, em Passo Fundo, na madrugada de sábado para domingo, na região do Planalto. Adelino Dias Pires, 48 anos, foi encontrado na rua das Chácaras. Ele passou a noite na rua e acabou morrendo a caminho do Hospital São Vicente.

Já em Porto Alegre, o frio pode ter vitimado Artur Felício Polaczinski, 54 anos. O andarilho foi encontrado morto sentado em um banco na Estação Rodoviária de Porto Alegre, às 7h45 de hoje.

Hoje, o amanhecer foi o mais frio do ano em diversas cidades gaúchas, incluindo a região metropolitana de Porto Alegre. No aeroporto internacional Salgado Filho, os termômetros apontavam 0ºC e em Canoas, -1ºC. De acordo com a Rede de Estações de Climatologia Urbana de São Leopoldo, houve formação de geada nas áreas verdes da Grande Porto Alegre e em praticamente todo o interior do Estado.

Já na Serra, a mínima chegou a -2,6ºC em São José dos Ausentes. Já em Santa Catarina, a mínima chegou a -4,1ºC, em São Joaquim. Conforme o meteorologista Eugenio Hackbart, as temperaturas baixas se concentraram na madrugada em áreas de vales e planícies.

Na manhã de hoje, diversas cidades do Paraná estavam brancas por efeito da geada provocada pela massa de ar frio que está sobre o Estado. A temperatura em Curitiba era de 0ºC e a máxima não passará de 14ºC. No decorrer do dia o sol vai brilhar forte em todas as regiões e a temperatura sobe um pouco, mas o frio ainda será intenso. Nas cidades de Guarapuava e Palmas, os termômetros oscilam hoje entre os -2ºC e os 12ºC.

Neve
Por volta das 10h do dia 12, nevou em São José dos Ausentes, Vacaria, Lagoa Vermelha e São Francisco de Paula, no Rio Grande do Sul, e em São Joaquim e Lajeado Grande em Santa Catarina. A maior precipitação ocorreu nas duas cidades catarinenses, onde a temperatura chegou a -2ºC. Em São Joaquim, a sensação térmica no domingo chegou a -17ºC.

O meteorologista do 8º Distrito Gil Russo, citado pelo jornal Zero Hora, explica que a intensidade do fenômeno se dá em razão da grande força da massa de ar polar que avançou sobre o Estado gaúcho depois que a umidade de sábado se dissipou.

Previsão
E mesmo com a presença do sol em céu claro, o frio continuará muito intenso. A previsão do Instituto Nacional de Meteorologia, a previsão é de que a mínima seja de -4ºC para Santa Catarina e Rio Grande do Sul e -2ºC para o Paraná.

O meteorologista Eugenio Hackbart prevê muito frio ainda para a próxima madrugada, mas destaca que as temperaturas estarão em gradativa elevação nos próximos dias.

Sudeste
Mas a massa fria também atingiu Estados do Sudeste. No Rio de Janeiro, a chegada de uma frente fria trouxe à cidade ventos fortes de até 60 km/h, no sábado, causando estragos. Uma traineira de nove metros, com cinco passageiros, ficou à deriva em alto-mar por mais de uma hora. A mínima prevista para hoje é de 11ºC.

Em São Paulo, nesta madrugada fez 8,4ºC, a segunda temperatura mais baixa do ano. A última havia sido de 6,7ºC.

Em Santos, no litoral paulista, as ondas atingiram 1,1m. A maré chegou a invadir a avenida Barlolomeu de Gustão, obrigando motoristas a usarem somente uma faixa de rolamento.

Redação Terra
  1. A cidade de São Joaquim, na serra de Santa Catarina, registrou precipitação de neve no e temperaturas negativas no inverno deste ano  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    A cidade de São Joaquim, na serra de Santa Catarina, registrou precipitação de neve no e temperaturas negativas no inverno deste ano

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  2. A neve fez a alegria dos turistas da cidade, considerada a mais fria do País  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    A neve fez a alegria dos turistas da cidade, considerada a mais fria do País

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  3. A sensação térmica em São Joaquim chegou a -17ºC no final de semana  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    A sensação térmica em São Joaquim chegou a -17ºC no final de semana

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  4. A geada também modificou a paisagem na região  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    A geada também modificou a paisagem na região

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  5. Termômetro marca -5ºC. A temperatura mínima na cidade chegou a -6ºC domingo  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    Termômetro marca -5ºC. A temperatura mínima na cidade chegou a -6ºC domingo

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  6. O solo ficou coberto de gelo na cidade de São Joaquim, na serra de Santa catarina  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    O solo ficou coberto de gelo na cidade de São Joaquim, na serra de Santa catarina

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  7. Automóvel coberto pela geada serve como registro do frio na cidade. Às 22h45 do dia 12 de junho, os termômetros marcavam -5ºC  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    Automóvel coberto pela geada serve como registro do frio na cidade. Às 22h45 do dia 12 de junho, os termômetros marcavam -5ºC

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  8. As temperaturas negativas congelaram este açude em São Joaquim  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    As temperaturas negativas congelaram este açude em São Joaquim

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

  9. O Snow Valley, ponto turístico da serra catarinense, amanhece coberto de gelo  Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

    O Snow Valley, ponto turístico da serra catarinense, amanhece coberto de gelo

    Foto: Climatologia Urbana de São Leopoldo/Divulgação

/brasil/foto/0,,00.html