inclusão de arquivo javascript

 
 

Rio: gerente de lotérica é assaltada e seqüestrada

10 de abril de 2007 02h15

A gerente da casa lotérica Ponto da Sorte, que funciona dentro do Shopping Tijuca, Flaviane de Freitas, 27 anos, foi assaltada e seqüestrada por um homem armado nesta segunda-feira quando se dirigia a uma agência bancária para depositar malote com R$ 77,4 mil.

A quantia seria depositada na agência da Caixa Econômica Federal (CEF) que também funciona no shopping. Enquanto esperava o elevador de serviço, próximo ao estacionamento G2, a gerente foi abordada pelo criminoso e obrigada a seguir até um carro, cuja placa não foi identificada.

Liberdade em favela
Armado com pistola, o bandido mandou que Flaviane entrasse no veículo e abaixasse a cabeça. Caso contrário, ele disse que "estouraria seus miolos". A gerente chegou a ser agredida. Depois, ela foi libertada pelo assaltante na Favela Vila do João, Complexo da Maré. No local, a gerente conseguiu R$ 2 emprestados com moradores e pegou Kombi até a 19ª Delegacia de Polícia (Tijuca), onde registrou o caso.

Segundo o delegado titular da DP, Antônio Ricardo, as fitas do circuito interno do shopping já foram requisitadas e devem ser entregues até amanhã.

"Queremos identificar a placa para chegar até o carro e procurar por vestígios que levem ao bandido. Nossa primeira linha de investigação é que o crime tenha sido cometido por algum criminoso da própria Maré. Temos vários policiais aqui transferidos da 21ª DP (Bonsucesso), que conhecem os bandidos de lá", afirmou.

O Dia
O Dia - © Copyright Editora O Dia S.A. - Para reprodução deste conteúdo, contate a Agência O Dia.