inclusão de arquivo javascript

 
 

Modelo morre de anorexia aos 21 anos e com 40 kg

15 de novembro de 2006 07h43 atualizado às 10h54

Ana Carolina Reston em foto do book. Foto: Divulgação

Ana Carolina Reston em foto do book
Foto: Divulgação

A modelo Ana Carolina Reston Macan, 21 anos, morreu ontem vítima de anorexia nervosa, depois que o seu quadro se agravou e evoluiu para uma infecção generalizada. Carolina tinha cerca de 40 quilos e 1,74 m de altura e foi internada em 25 de outubro com insuficiência renal. Ela foi enterrada no cemitério de Pirapora do Bom Jesus, na Grande São Paulo.

» Opine sobre o assunto
» Mande fotos e notícias e participe do vc repórter
» Médicos pedem a proibição de modelos anoréxicas
» Estudo confirma origem genética da anorexia
» Anorexia de modelos é tema de jornal norte-americano
» Madri proíbe modelos muito magras de desfilar

Nascida em Jundiaí, numa família de classe média, Carolina sonhava em ser modelo desde criança. Após vencer um concurso realizado no interior, foi "descoberta" por uma olheira de agência e começou a trabalhar com 13 anos.

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, Carolina chegou a viajar para China, Turquia, México e Japão. No México, ela teve de enfrentar a falta de trabalho e acabou abandonada pela agência, sem dinheiro para comprar o tíquete de volta, de acordo com amigos. Ela foi "adotada" por sua última agência, a L'Equipe, que a enviou do México para o Japão.

De acordo com a prima Geise Strauss, 30 anos, com quem morava em suas temporadas no Brasil, Carolina comia pouco e. logo depois, ia para o banheiro. Geise conta que o que ela mais comia era maçã e tomates.

Redação Terra