0

Municípios pobres receberão atendimento odontológico móvel, diz Temporão

7 out 2009
22h50

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, concede entrevista durante o 1º Encontro Nacional de Centro de Especialidade Odontológica e Equipe de Saúde Bucal da Estratégia Saúde da Família" alt="Brasília - O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, concede entrevista durante o 1º Encontro Nacional de Centro de Especialidade Odontológica e Equipe de Saúde Bucal da Estratégia Saúde da Família" src="http://stream.agenciabrasil.gov.br/media/imagens/2009/10/07/2030MCA7837.image_materia_vertical.jpg">

Brasília - O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, concede entrevista durante o 1º Encontro Nacional de Centro de Especialidade Odontológica e Equipe de Saúde Bucal da Estratégia Saúde da Família

Brasília - O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, disse hoje (7) que o programa Brasil Sorridente irá distribuir 160 unidades móveis odontológicas com os municípios mais pobres de 21 estados. A medida foi anunciada na aberturado 1º Encontro Nacional de Centros de Especialidades Odontológicas eEquipes de Saúde Bucal da Estratégia Saúde da Familiar, em Brasília.

"As unidades móveis serão doadas para aquelas regiões mais pobres e de difícil acesso, onde nós não temos fisicamente os consultórios odontológicos. As populações carentes vão poder receber a visita de um dentista.", disse.

O atendimento será realizado por um cirurgião-dentista e um auxiliar de saúde bucal em veículos tipo van. Cada unidade será equipada com um consultório odontológico completo, inclusive com um aparelho de Raio-X.

O investimento do governo federal será de R$ 22 milhões para a compra dos veículos, R$ 560 mil para implantação e R$ 748 mil mensais para o custeio.

Poderão solicitar as unidades móveis os municípios do Programa Territórios da Cidadania do Governo Federal (regiões de baixa renda, principalmente em áreas rurais) que tenham apenas as equipes de saúde da família.

Edição: Aécio Amado

Agência Brasil Agência Brasil

compartilhe

publicidade