Morte de mulher arrastada pela PM gera revolta no RJ

Cláudia da Silva Ferreira, 38 anos, foi arrastada depois que o porta-malas de uma viatura na qual era transportada emergencialmente a um hospital abriu; ela havia sido baleada durante uma operação policial em Madureira

  • comentários

compartilhe

publicidade
publicidade