0

MediaOn: debatedores discordam sobre anonimato na web

10 nov 2010
14h00
atualizado às 14h26
Hermano Freitas
Vagner Magalhães
Direto de São Paulo

Os debatedores do segundo painel desta quarta no 4º Seminário Internacional de Mídia Online (MediaOn) mantém na opinião sobre a possibilidade de anonimato na internet o mesmo clima de confronto que na política. Os coordenadores das campanhas petista e tucana polarizaram entre si, enquanto o do Partido Verde ficou no meio termo.

Marcelo Branco (dir.), Soninha (centro) e Caio Túlio Costa (dir.) participam de painel mediado por Heródoto Barbeiro (centro)
Marcelo Branco (dir.), Soninha (centro) e Caio Túlio Costa (dir.) participam de painel mediado por Heródoto Barbeiro (centro)
Foto: Ricardo Matsukawa / Terra

» Veja a programação completa do MediaOn
» Siga o MediaOn no Twitter

O coordenador da campanha da presidente eleita Dilma Roussef, Marcelo Branco, fez uma defesa veemente da possibilidade de espalhar mensagens sem identificação do usuário. Segundo ele, os blogueiros alternativos, muitos deles "fakes", deram um contraponto na cobertura dos veículos de comunicação oficiais. "O anonimato é um direito e ele é positivo, inclusive serviu para permitir a oposição virtual na China", disse.

A ex-vereadora Soninha Francine rebateu o colega dizendo "ainda bem que não estamos na China, né?". De acordo com ela, o anonimato pode ser usado como forma de assumir posições sem comprometimento ou responsabilidade e isso pode ser usado mal. "Nas votações na Câmara, a votação secreta é usada para votar sem pressão e sem prestar contas para a sociedade", afirmou.

Caio Túlio Costa, que chefiou a bem-sucedida parte virtual da campanha da verde Marina Silva, declarou que a internet simplesmente reproduz o que acontece no meio real. E assim como no mundo físico, o controle do anonimato é impossível. "Não podemos entrar em uma discussão que não está resolvida sequer fora da internet", disse.

MediaOn
O MediaOn, encontro realizado anualmente pelo Terra e Itaú Cultural, é um dos principais fóruns de debates sobre jornalismo digital e novas mídias. O evento, que tem apoio das redes de televisão CNN e BBC, tem transmissão ao vivo e é realizado entre os dias 9 e 11 de novembro.

Os debates contam com a presença de representantes de veículos brasileiros, da América Latina, Europa e Estados Unidos. O tema do evento deste ano é "Os novos caminhos do jornalismo: o que a audiência quer consumir e como?".

Fonte: Redação Terra
publicidade