0

Maestro brasileiro busca embaixada após ser espancado na Espanha

27 dez 2012
00h29
  • separator
  • comentários

Após denunciar agressão de policiais espanhóis, o maestro pernambucano Israel da França diz ter procurado a embaixada do Brasil na Espanha para se informar sobre possíveis medidas a respeito do caso. Em entrevista à TV Globo nesta quarta-feira, o músico diz que enviou cópias de documentos para o órgão, contendo boletins médicos.

Israel diz que estava em um bar com um amigo na cidade de Granada, onde mora, no último domingo (23), quando policial entraram no local e o retiraram à força. Ele teria sido levado para um prédio, do outro lado da rua, e, então, diz ter sido espancado com socos e pontapés. Em depoimento ao jornal O Globo, o maestro levantou a hipótese de crime racial: "eu sou negro e meu amigo é branco, isso afeta muito a minha vida na Espanha", afirmou. 

Fonte: Terra

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade