inclusão de arquivo javascript

 
 

Estudantes ameaçam jovem por fotos de sexo na Web

18 de abril de 2006 08h38 atualizado em 22 de abril de 2006 às 08h01

A estudante de Direito F.F., 24 anos, foi ameaçada por outros universitários e teve que contar com a proteção da polícia para sair da sala de aula depois que fotos íntimas suas foram postadas na Internet. Nas imagens, que estavam disponíveis no site de relacionamentos Orkut e em alguns blogs, F. aparece fazendo sexo com dois homens. Ela estuda na Fundação de Ensino Eurípedes Soares da Rocha, em Marília, interior de São Paulo.

» Opine sobre o caso

Ao chegar à faculdade na última quarta-feira, dia 12, F. foi ameaçada por alunos de vários cursos que, com ofensas e gritaria, formaram grupos do lado de fora da sala de aula onde ela estuda.

Um dos professores trancou a estudante na sala de aula para evitar que ela fosse agredida e chamou a polícia. Os PMs foram obrigados a usar gás de pimenta para desfazer o tumulto e retirar a garota da faculdade.

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, as fotos foram colocadas inclusive na cantina da instituição e postadas na Internet com endereços eletrônicos e telefones da moça e do namorado. Em menos de 24 horas, mais de 10 mil mensagens contra os dois foram registradas no Orkut. Eles também passaram a ser ofendidos por telefone, e-mail e até pessoalmente.

Uma funcionária informou que a faculdade não deverá tomar nenhuma atitude "porque se trata de um caso particular". O pai da moça deve processar os responsáveis pela divulgação das imagens por calúnia, difamação, violação de privacidade, constrangimento ilegal e ameaça. A família de F. tentou retirar as fotos da Internet, no entanto, elas voltaram a circular na rede.

Redação Terra