inclusão de arquivo javascript

 
 

Estagiária mata colega para conseguir emprego em SP

19 de janeiro de 2006 20h05 atualizado em 20 de janeiro de 2006 às 09h17

A estagiária Carolina Santos confessou ter planejado a morte de duas colegas para conseguir uma vaga de emprego em uma indústria de derivados de petróleo em Cubatão, em São Paulo.

Carolina disse que contratou um pistoleiro de aluguel para cometer os assassinatos, segundo a Globonews. Uma das vítimas conseguiu sobreviver, mas ficou gravemente ferida. A outra foi assassinada com cinco tiros na porta de casa em Santos.

A jovem confessou que queria recuperar o emprego na empresa e, como não havia mais vagas, decidiu planejar o assassinato. Ela também afirmou que queria a vaga para ficar ao lado de um outro funcionário, que seria seu amante.

Dois suspeitos de participação nos crimes também foram presos: Rodolfo Queiroz dos Santos, primo de Carolina e acusado de fazer ameaças por telefone às vítimas, e Edson Siqueira dos Santos. A polícia ainda procura Ewerton e Aislan Dionísio, que também teriam participado do crime.

Redação Terra