inclusão de arquivo javascript

 
 

Mendigo matava fome comendo cães em Porto Alegre

01 de agosto de 2005 23h44 atualizado às 23h46

O morador de rua Lauro Pereira Ribeiro, 28 anos, abateu pelo menos quatro cachorros em cerca de 10 dias para matar a fome, na zona sul de Porto Alegre. A denúncia foi feita no sábado por moradores e comerciantes da Avenida Cavalhada que presenciaram a situação.

Segundo testemunhas, o primeiro animal foi recolhido por Ribeiro após ser atropelado. O cão foi levado até um terreno baldio, onde o morador de rua assou e comeu a carne do animal. A comerciante Jacqueline Marchese, 41 anos, contou ao jornal Zero Hora que viu Ribeiro com outros dois animais mortos entrando no terreno.

Ribeiro também matou um dos animais atirando uma pedra na cabeça do cão. "Ele até era meu amigo, mas estava muito sozinho e triste", afirmou. A funcionária pública Dilcéia Souza Alves, 56 anos, e a comerciante Rosa Maria Norte Pereira, 47 anos, reconheceram, através da pele do animal, retirada por Ribeiro, o cão Igor, um dos 10 animais de rua que costumam alimentar.

Acionados pelos moradores, soldados da Brigada Militar encaminharam Ribeiro para o Pronto Atendimento Cruzeiro do Sul, na Vila dos Comerciários, zona Sul da Capital. Ele foi medicado pelo psiquiatra de plantão e recebeu alimentação e higiene.

Redação Terra