inclusão de arquivo javascript

 
 

Preso pastor que prometia alívio em troca de sexo

08 de junho de 2005 09h27 atualizado às 14h25

Um pastor evangélico acusado de prometer aos fiéis alívio espiritual em troca de sexo foi preso em Gama, cidade satélite de Brasília.

  • RS: pastor é preso acusado de estuprar adolescente

    De acordo com a Globonews, Maria das Graças contou que a filha de 22 anos participou de rituais organizados pelo evangélico e que foi obrigada a se despir. Durante os encontros, o pastor passava óleo nos seios da garota e em sua genitália, contou Maria das Graça. Os rituais ocorriam nas sextas-feiras.

    Cinco pessoas já denunciaram o pastor, que não teve o nome revelado pela polícia, à Delegacia de Gama. A delegada responsável pelo caso já ouviu dez pessoas e, com base nos depoimentos, mandou prender o acusado. Segundo ela, o pastor negou as acusações e disse que fazia outros tipos de rituais com as vítimas, mas não rituais sexuais.

  • Redação Terra