inclusão de arquivo javascript

 
 

Brasileiros presos nos EUA vão a tribunal hoje

10 de novembro de 2004 07h47 atualizado às 07h47

Os brasileiros Mizael Cabral, de 29 anos, e Daniel Correa, 26, que foram presos em Miami, nos Estados Unidos, por uma falsa ameaça de bomba, comparecerão hoje a um tribunal do sul da Flórida. Eles deverão se pronunciar sobre as acusações durante a audiência.

A Procuradoria Federal do Distrito sul do Estado da Flórida disse que Cabral e Correa foram detidos em 27 de outubro no aeroporto internacional de Miami sob as acusações de fornecer falsa informação deliberadamente e ignorar a segurança das pessoas. Se os acusados forem declarados culpados, cada um pegará uma pena máxima de cinco anos de prisão e terá que pagar uma multa de US$ 250 mil.

O fato ocorreu na noite de 26 de outubro quando os brasileiros se encontravam em um posto de inspeção no terminal aéreo, onde embarcariam com destino ao Brasil. A bagagem de Cabral foi submetida a uma inspeção com raios X, depois foi selecionada para uma revista mais profunda e no momento em que um funcionário pegou a mala, o brasileiro perguntou: "Já encontrou a bomba na bagagem?" Correa disse: "Se o senhor abrir a mala, ela explode".

Depois dessas declarações, os funcionários de Segurança do aeroporto prenderam os homens. O procurador federal do distrito sul da Flórida, Marcos Daniel Jiménez, advertiu que, "em momentos de nível elevado de ameaça, a segurança dos portos de entrada é de alta prioridade". "Vamos julgar quem ameace real ou falsamente essa segurança", acrescentou.

Rui Vasconcelos, cônsul adjunto do Consulado Geral do Brasil em Miami, explicou que os acusados permanecem detidos e que, na audiência de hoje, o juiz encarregado do caso provavelmente fixará uma fiança para que aguardem o julgamento em liberdade. Os dois brasileiros têm um advogado de ofício e um funcionário do Consulado do Brasil no tribunal estará presente.

"Estamos muito interessados no caso, prestamos apoio a eles e seus familiares", afirmou Vasconcelos.

Redação Terra