inclusão de arquivo javascript

 
 

Filha de Zé do Caixão diz ter sido agredida em boate de SP

04 de setembro de 2009 15h26 atualizado às 16h16

A filha do cineasta José Mojica Marins, o Zé do Caixão, e um amigo dela alegam ter sido agredidos por seguranças na boate A Loca, na região central de São Paulo, por volta das 7h30 desta sexta-feira.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a confusão começou quando a comanda que pertencia ao escritor de 31 anos que estava com Liz Marins foi encontrada no chão. Ele disse que já havia pagado a conta e o caixa chamou o gerente do estabelecimento.

A discussão terminou em agressões envolvendo Liz e o escritor, de acordo com o boletim de ocorrência. Os dois foram encaminhados para o pronto-socorro da Santa Casa.

Na delegacia, o gerente da casa noturna afirmou que apenas revidou as agressões do cliente. O caso será investigado no 4º Distrito Policial.

Redação Terra