inclusão de arquivo javascript

 
 

STF teria argumento pronto para livrar Palocci

24 de agosto de 2009 07h41 atualizado às 08h04

O Supremo Tribunal Federal (STF) deve poupar o ex-ministro da Fazenda do governo Lula e hoje deputado federal Antonio Palocci (PT-SP) de responder a uma ação penal, sob acusação de mandar quebrar o sigilo bancário do caseiro Francenildo Costa. O tribunal deve argumentar na quinta-feira, dia marcado para o julgamento do processo, que faltam indícios da participação do ex-ministro no caso. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

O caseiro havia acusado Palocci, então ministro da Fazenda, de frequentar uma mansão onde era feita distribuição ilegal de dinheiro. Depois da denúncia, o extrato bancário do caseiro foi publicado em uma revista semanal.

De acordo com o jornal, se o deputado escapar de virar réu, o PT tem vários projetos políticos preparados para Palocci: o ex-ministro pode ser candidato ao governo de São Paulo ou até candidato à Presidência da República, caso a candidatura da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, não se confirme.

Redação Terra