inclusão de arquivo javascript

 
 

Delúbio lança revista e diz que vai continuar na política

07 de agosto de 2009 09h12 atualizado às 09h38

Delúbio Soares, ex-tesoureiro do PT e um dos réus no Supremo Tribunal Federal (STF) pelo suposto esquema do mensalão, lançou ontem uma revista e disse que não vai parar de fazer política. A publicação tem 116 páginas com depoimentos em favor do ex-tesoureiro, além da defesa apresentada ao partido em 2005, quando foi expulso. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

De acordo com o jornal, Delúbio pediu ajuda aos aliados para lançar a publicação em todos os Estados. A revista teria custado R$ 9,2 mil.

Mensalão
Em agosto de 2007, o STF aceitou denúncia do então procurador-geral da República, Antonio Fernando Souza, contra 40 suspeitos de envolvimento no esquema do mensalão. Além de Delúbio, figuram entre os envolvidos o ex-ministro-chefe da Casa Civil José Dirceu, o ex-presidente do PT deputado José Genoino (PT-SP) e o publicitário Marcos Valério.

No suposto esquema, parlamentares da base aliada do presidente Luiz Inácio Lula da Silva receberiam recursos para aprovar matérias de interesse do governo.

Redação Terra