inclusão de arquivo javascript

 
 

"Se puder escolher, quero Ciro ao meu lado", diz Dilma

19 de junho de 2009 05h01 atualizado às 05h03

A ministra da Casa Civil e provável candidata do Planalto à sucessão presidencial, Dilma Rousseff, não descartou ter o deputado federal, Ciro Gomes (PSB-CE), como postulante a vice. "Se eu puder escolher, independente do ano, quero Ciro ao meu lado", afirmou em visita a um conjunto habitacional em Fortaleza. As informações foram divulgadas pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Já o parlamentar deixou em aberto uma candidatura em São Paulo. "Estou pensando", disse o deputado ao chegar na sede da Força Sindical para um congresso do Sindicato dos Metalúrgicos. Sobre uma dobradinha com Dilma declarou que "ninguém é candidato a vice".

Na quarta-feira, ele afirmou que acredita em uma possível vitória se participar do pleito presidencial. Porém, se ficar fora do segundo turno e o pleito ocorrer entre Dilma e Serra, Ciro disse que, evidentemente, apoiará Dilma. "O primeiro turno é para que se explicitem as diferenças, o segundo turno é para que se aproximem as diferenças. Esse é o sentido do legislador. No segundo turno tem de superar a diferença pela menor e a aí a menor é a minha com a Dilma, quase nenhuma, sob o ponto de vista pessoal", concluiu.

Redação Terra