inclusão de arquivo javascript

 
 

Ladrões atiram em menina de 8 anos em condomínio de SP

20 de maio de 2009 11h35 atualizado às 11h41

Cláudio Dias

Direto de Araraquara


Um assaltante atirou na cabeça de uma menina de 8 anos em um condomínio de luxo no bairro Cidade Jardim, em Rio Claro, interior de São Paulo, por volta das 22h de terça-feira. O ladrão, que invadiu com outro homem o condomínio, teria se assustado com o barulho de um alarme e disparou a arma.

A vítima foi internada em coma induzido na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa de Rio Claro e seu estado, nesta manhã, era considerado grave.

Segundo a Polícia Militar, provavelmente após pular o muro e driblar a segurança do condomínio, os dois homens entraram na casa e renderam a empregada e as duas meninas gêmeas de 8 anos que estavam na residência. Depois da invasão, um dos homens abriu uma gaveta e o alarme disparou. O ladrão se assustou e atirou. A bala atingiu a cabeça da menina.

O pai das meninas, Vitor Araújo, diretor de uma empresa local, não estava em casa. Os assaltantes fugiram, renderam um homem e roubaram o seu carro. O veículo foi abandonado na Rodovia Washington Luis (SP-310).

O delegado Paulo Nabuco, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), que acompanha o caso, afirmou apenas que investiga o caso e irá ouvir algumas pessoas hoje. Informalmente, policiais afirmaram ter pistas sobre os acusados. Ninguém da família foi encontrado para comentar o caso.

Redação Terra