inclusão de arquivo javascript

 
 

Esquerda do PT repudia aliança com PSDB em MG

18 de março de 2008 18h24

A Articulação de Esquerda do PT de Minas Gerais divulgou nota repudiando a possível aliança entre PT e PSDB para a disputa eleitoral em Belo Horizonte.

» PT nega aliança com PSDB em BH
» Prefeito de BH defende aliança

Segundo a nota, "ao assistirmos pela impressa discursos e falas do prefeito Fernando Pimentel defendendo uma aliança entre o PT e o PSDB, nos cabe pensar qual seria o jogo político que se esconde por trás desta aproximação".

A Articulação de Esquerda destaca ainda que, apesar de haver partidários que não acreditam na "possibilidade de vencer o capitalismo", só a luta pelo socialismo pode aliviar as catástrofes brasileiras. "Uma aliança entre o PT e o PSDB viria nesta ótica. Não seria apenas uma coligação eleitoral; significaria, sim, o abandono do projeto democrático-popular que nos guiou até os dias de hoje".

Ainda de acordo com a nota, "o PSDB sempre defendeu os interesses das elites nos seus governos e nas esferas onde atua, implementando o neoliberalismo, contrário a reforma agrária e às demais lutas populares", demonstrando "a política antidemocrática dos tucanos e a diferença de projeto político entre os dois partidos".

"É com vontade de ver o PT junto à classe trabalhadora, defendendo seus interesses, se tornando cada vez mais um partido socialista e de massas (...) que vimos a público repudiar as recentes declarações de petistas na mídia a respeito da sucessão à prefeitura de BH, como se fosse fato consumado", completa o documento.

Redação Terra