inclusão de arquivo javascript

 
 

Professor universitário é morto a facadas no RS

18 de março de 2008 06h37 atualizado às 06h43

O professor universitário Mário José Paluch, 49 anos, foi encontrado morto, na manhã de segunda-feira, na casa onde morava, em Passo Fundo, no norte do Rio Grande do Sul. O corpo apresentava um corte profundo no pescoço, próximo da nuca, e vários ferimentos nos braços.

» MS: professor é arrastado por 30 m
» vc repórter: professor morre em acidente
» Professor é agredido em escola no DF
» ES: professor recebe 10 tiros

Paluch coordenava o curso de Pós-Graduação em Engenharia da Universidade de Passo Fundo (UPF). O corpo dele foi encontrado por um amigo, no quarto, ao lado da cama. Paluch morava sozinho. A ausência do professor na universidade, pela manhã, motivou a ida até a residência dele.

Segundo informações da Polícia Civil, o crime teria ocorrido entre a noite de domingo e a madrugada de segunda-feira. O carro do professor foi encontrado abandonado na entrada do condomínio onde ele morava, com as portas abertas. A polícia suspeita de latrocínio (roubo seguido de morte).

O velório foi realizado na noite de segunda-feira no Memorial da Paz, em Passo Fundo. A UPF divulgou uma nota de pesar pelo falecimento do professor e suspendeu as aulas dos cursos de Engenharia e de Arquitetura ontem à tarde.

Redação Terra