inclusão de arquivo javascript

 
 

Ventos de 70 km/h destelham casas em SC

21 de outubro de 2007 15h49 atualizado às 17h38

Os ventos fortes causaram prejuízos em Florianópolis. Foto: Fabrício Escandiuzzi/Especial para Terra

Os ventos fortes causaram prejuízos em Florianópolis
Foto: Fabrício Escandiuzzi/Especial para Terra

Uma forte tempestade na madrugada deste domingo, com ventos de 70 km/h, assustou os moradores da região metropolitana de Florianópolis e causou vários prejuízos em diversos pontos.

» Veja mais fotos
» vc repórter: mande fotos e relatos

A chuva, com granizos e raios, começou logo após a 0h. A região sul de Florianópolis foi uma das mais atingidas e alguns pontos chegaram a ficar sem energia elétrica por aproximadamente duas horas, após a queda de uma árvore sobre dois postes.

Uma escola municipal localizada no bairro Campeche, que passava por uma reforma, teve parte de seu telhado de alumínio arrancado com a força dos ventos. Neste domingo, um pedaço do telhado ainda estava no chão, à beira de uma avenida em frente à escola. Estabelecimentos comerciais tiveram totens e marquises arrancadas pelo vento e dezenas de outdoors ficaram completamente destruídos.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a maioria das ocorrências foi relacionada a destalhamentos e queda de árvores sobre fiação. Ninguém ficou ferido e não há notícias de desabrigados. Neste domingo, uma guarnição do Corpo de Bombeiros e integrantes da Defesa Civil fizeram vistoria nos pontos mais atingidos.

Segundo o Centro de Hidrometeorologia e Recursos Ambientais de Santa Catarina, ainda há riscos de fortes chuvas na noite deste domingo e no início da semana. O meteorologista Daniel Calearo informou que as áreas de instabilidade associadas a um sistema de baixa pressão proporcionam fortes rajadas de vento e descargas elétricas em boa parte do Sul do Brasil, principalmente no oeste de Santa Catarina e no Paraná.

Redação Terra