inclusão de arquivo javascript

 
 

Avó dá à luz netos gêmeos em Pernambuco

27 de setembro de 2007 14h30 atualizado às 22h32

A agente de saúde Rosinete Palmeira Serrão, 51 anos, deu à luz os netos no início da tarde desta quinta-feira, em Recife (PE). Rosinete e os gêmeos Antônio Bento e Victor Gabriel passam bem. A agente de saúde serviu de "barriga de aluguel" à filha Cláudia Michelle, 27 anos, que não podia ter filhos.

» Veja o vídeo
» Avó serve de "barriga de aluguel"

Os bebês foram gerados através de fertilização in vitro com os óvulos da filha e os espermatozóides do genro Antônio Brito. Os pais já pegaram os bebês no colo antes deles irem para o berçário.

Inicialmente, o nascimento das crianças estava previsto para o dia 12 de outubro, porém a cirurgia foi antecipada depois de exame realizado na terça-feira em que foi constatado que a gestante apresentava aumento da pressão arterial.

A cesariana de Rosinete foi realizada pelo especialista em reprodução humana Cláudio Barros Leal Ribeiro no Hospital Santa Joana, no bairro do Derby, em Recife. Ele foi o responsável pela fertilização dos bebês.

O parto foi acompanhado pela mãe biológica dos bebês. Apesar de não ter podido gerar os filhos, Cláudia disse que terá o prazer de amamentá-los já que fez tratamento para induzir a lactação.

Rosinete Palmeira Serrão chegou ao hospital acompanhada do marido, da filha, do genro e de duas amigas. Ela não quis conversar com a imprensa, mas disse que está tranqüila e muito feliz.

O genro afirmou na chegada ao hospital que todos da família estão muito felizes e ansiosos pela chegada das crianças. A cirurgia foi realizada por quatro ginecologistas, três enfermeiras e duas instrumentistas.

O primeiro a nascer foi Antônio Bento, às 14h32, com 2,41 kg e 46 centímetros. Logo em seguida, às 14h33, nasceu Victor Gabriel, pesando 2,93 kg e medindo 47,5 centímetros.

Segundo o médico Cláudio Leal, que realizou o parto, os bebês nasceram saudáveis, passam bem e não vão precisar ficar em incubadora. A avó-mãe e os gêmeos devem ter alta médica no próximo sábado.

Redação Terra