inclusão de arquivo javascript

 
 

CPI: presidente descarta convocar Marta

14 de junho de 2007 14h55 atualizado às 15h03

O presidente da CPI do Apagão Aéreo na Câmara, Marcelo Castro (PMDB-PI), descartou nesta quinta-feira convocar a ministra do Turismo, Marta Suplicy, para depor na comissão. O requerimento nesse sentido foi apresentado no início da reunião pelo deputado Vic Pires (Democratas-PA).

» Oposição quer ouvir Marta Suplicy na CPI
» Relaxa e goza, diz Marta sobre crise
» Marta pede desculpas por comentário
» Deputados vão aos EUA ouvir pilotos

A sugestão de Pires aconteceu após a declaração polêmica da ministra, que sugeriu ao turista "relaxar e gozar" em meio aos problemas enfrentados nos aeroportos. Marta Suplicy divulgou nota no mesmo dia pedindo desculpa.

"Não há necessidade. Se depender de mim, não convoca", disse Castro, responsável por elaborar a pauta de votações da CPI. Para ele, não há motivos para convocar a ministra. "É uma frase dita fora do lugar. Ela já se desculpou. Que homem público já não falou algo fora do contexto?", disse o deputado.

Redação Terra