inclusão de arquivo javascript

 
 

GO: Incra assenta casal gay de sem-terra

29 de maio de 2007 20h05 atualizado às 22h55

Incra reconheceu casal gay como beneficiário do programa de reforma agrária. Foto: Cristina Cabral/Futura Press

Incra reconheceu casal gay como beneficiário do programa de reforma agrária
Foto: Cristina Cabral/Futura Press

A Superintendência Regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) de Goiás reconheceu um casal homossexual como unidade beneficiária do programa de reforma agrária. As trabalhadoras rurais Sueli Pereira Ferreira e Graciana Lopes Ferreira estão assentadas no Projeto de Assentamento Nova Aliança, localizado no município de Baliza (GO).

» vc repórter: Mande fotos e relatos

O casal é ligado à Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Goiás (Fetaeg) e foi cadastrado e selecionado em conformidade com os critérios exigidos pelas normas do Incra, tendo todos os direitos e deveres das demais famílias assentadas pelo instituto.

A titulação de um casal feminino é uma ação inédita na história da reforma agrária no Estado. O assentamento Nova Aliança foi criado em dezembro de 2005, na fazenda Sertaneja II, desapropriada pelo Incra.

Redação Terra