inclusão de arquivo javascript

 
 

SP: traficante preso tem banheira de US$ 60 mil

30 de janeiro de 2007 16h55 atualizado às 19h17

A residência de Joseph Nour Eddine Nasrallah, acusado de tráfico internacional de drogas e preso na manhã desta terça-feira durante a Operação Kolibra, realizada pela Polícia Federal, chamou a atenção pelos detalhes de riqueza. Localizada na cidade de Valinhos, no interior de São Paulo, a residência que Nasrallah construía tem colunas folheadas a ouro, paredes e piso de mármore, além de um bunker na parte subterrânea. Segundo a Polícia Federal, há também uma banheira cujo valor chega a US$ 60 mil.

» PF desmonta quadrilha de traficantes
» Operação no Rio prende 20 pessoas

Além dele, foram presas outras 13 pessoas envolvidas com o tráfico internacional de drogas em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e no Maranhão. Outros cinco acusados já estavam presos e serão comunicados de que responderão também pelo envolvimento na quadrilha.

Conforme a Polícia Federal, foram apreendidos 15 veículos, sendo nove de luxo, entre eles uma Mercedes blindada. Foram apreendidos ainda um baú com 90 peças de jóias e semi-jóias e dois aviões que seriam usados para trazer a droga comprada em países produtores como Peru, Colômbia e Bolívia para o Brasil.

A cocaína, segundo a Polícia, era transportada para os Estados Unidos, Portugal, Espanha, Inglaterra, Alemanha, Suíça e ainda para a África, dentro de contêineres levados em navios cargueiros. O grupo também usava "mulas", pessoas aliciadas para fazer o transporte da droga junto ao corpo e nas bagagens.

Nasrallah, considerado o chefe da quadrilha, seria também o financiador das operações do grupo. Segundo informações da polícia, ele seria um homem violento e já houve casos de tentativa de homicídio dentro da própria quadrilha. De origem libanesa, Nasrallah é casado e tem família no Brasil. Ele também teria atuado como soldado mercenário durante a guerra civil no Líbano.

Extravagância
A mansão de Nasrallah, segundo os investigadores da PF, tem cerca de 3 mil metros quadrados de área construída. Há ornamentos no exterior e no interior de mármore importado e 15 colunas com mármore polido. A mansão também tem detalhes de ferro fundido e banhado a ouro. Na casa há ainda um elevador e quatro banheiras de hidromassagem.

Veja a lista dos presos:

» José Geraldo Rozembra (Bragança Paulista -SP)
» Tenilas Rocha Dias (Campo Grande ¿MS)
» Abou Youssef (Jundiaí-SP)
» Wagner Meira Alves (Barra do Garça - MT)
» Sérgio Adriano Simioni (Campinas-SP)
» Marcelo Coelho de Souza (Campo Grande-MS)
» Paulo Salinet dias (Dopurados ¿MS)
» Hanssi Taha (Jundiaí-SP)
» Jamal Hassan Bakri (Jundiaí-SP)
» Valdir dos Passos Marcelino (Jundiaí-SP)
» Edimir Paulo Borreli (Santos-SP)
» Cleber Luis Quinhões (São Paulo-SP)
» Dirceu Pacheco (São Paulo-SP)
» Joseph Nour Edini Nasrallah (Valinhos-SP)

Redação Terra