0

Incêndio em discoteca de Santa Maria deixa pelo menos 120 mortos

27 jan 2013
09h52
atualizado às 09h57

Pelo menos 120 pessoas morreram e cerca de 200 ficaram feridas na madrugada deste domingo em um incêndio em uma discoteca na cidade Santa María, no Rio Grande do Sul, informou a policia local.

O incêndio, cujas causas ainda são desconhecidas, começou pouco após as 2h da madrugada na boate Kiss, em Santa Maria, a 286 quilômetros do Porto Alegre. Os bombeiros só conseguiram controlar o fogo mais de três horas depois que o incêndio começou.

A cada informe o número de mortos aumenta, conforme mais corpos são encontrados nos escombros da discoteca.

O delegado da 3ª DP de Santa Maria, Sandro Meinerz, disse que a maioria das pessoas morreu por inalação de fumaça ao não conseguir sair a tempo do lugar.

"Estamos retirando corpos do lugar e tomando as medidas necessárias para iniciar as investigações, mas não sabemos o número exato de mortos", afirmou Meinerz.

Segundo as primeiras informações, as chamas teriam começado por volta das 2h30m quando o vocalista da banda que se apresentava na discoteca fez uma espécie de show pirotécnico. As faíscas atingiram a espuma do isolamento acústico e as chamas se espalharam.

O governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, lamentou a tragédia por meio de seu Twitter e anunciou que visitará hoje a cidade.

EFE   
publicidade