Crise aérea

Crise aérea

Quarta, 6 de fevereiro de 2008, 11h40 Atualizada às 12h44

Gaudenzi: não tenham medo de usar os aeroportos

Na avaliação do presidente da Infraero, Sergio Gaudenzi, quatro dos principais aeroportos do País - Salvador, Recife, Rio de Janeiro e São Paulo - passaram por momentos de "absoluta tranqüilidade" durante o Carnaval de 2008. Para o retorno dos foliões, a expectativa da Infraero também é positiva: "podem usar os aeroportos. Não tenham nenhum temor em usá-los", disse Gaudenzi.

» vc repórter: mande fotos e notícias

"Acreditamos que não teremos nenhuma dificuldade no retorno. Estamos monitorando os aeroportos básicos no Carnaval. Tudo indica que nosso trabalho vai ser tranqüilo", afirmou Gaudenzi.

Ele lembrou que a quantidade de funcionários trabalhando nos aeroportos no Carnaval foi reforçada em torno de 10%, e atribuiu a "normalidade" nesse período, que é de intensa movimentação nos saguões, ao trabalho conjunto entre a própria Infraero, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o Departamento de Controle do Espaço Aéreo e a Secretaria de Aviação Civil do Ministério da Defesa.

"Trabalhamos muito entrosados, nos falamos muito nesse período, um dando cobertura ao outro. Acho que isso foi uma medida fundamental", disse Gaudenzi.

A ausência de grandes alterações climáticas durante o período e o acréscimo de aparelhos de raio-X na revista dos passageiros, segundo Gaudenzi, também são medidas que colaboraram para a redução das filas, para a regularidade de pousos e decolagens e, conseqüentemente, para o melhor funcionamentos dos aeroportos.

O presidente acredita que os foliões que estão voltando para casa a partir de hoje e que devem utilizar os aeroportos não enfrentarão problemas. "Podem usar os aeroportos. Não tenham nenhum temor em usá-los, porque estão equipados e preparados. Não há tumulto em nenhum aeroporto da rede", afirmou.

  • Imprima esta notícia
  • Envie esta notícia por e-mail

Busca

Busque outras notícias no Terra: