PUBLICIDADE
URGENTE
Saiba como doar qualquer valor para o PIX oficial do Rio Grande do Sul

vc repórter: protesto no RJ pede liberdade de religiosos no Irã

20 jun 2011 - 17h59
(atualizado às 18h22)
Compartilhar

Manifestantes afincaram 7.747 máscaras de sete líderes da religião Bahá'í na areia da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro, por volta das 10h deste domingo. Os líderes, cinco homens e duas mulheres, estão presos no Irã há quatro anos acusados de espionagem, espalhar a corrupção na terra, socavar o Islã e cooperar com Israel.

Os manifestantes afincaram na praia de Copacabana 7.747 máscaras dos sete líderes baha'is presos há quatro anos no Irã
Os manifestantes afincaram na praia de Copacabana 7.747 máscaras dos sete líderes baha'is presos há quatro anos no Irã
Foto: José Carlos Pereira de Carvalho / vc repórter

Segundo a Comunidade Bahá'í do Brasil, o ato reuniu quase mil pessoas, entre adeptos da fé e representantes da Comissão de Combate a Intolerância Religiosa do Rio de Janeiro, formada por líderes de várias religiões. O número de máscaras representa os dias de prisão dos religiosos.

O Bahá'í é uma religião independente, com sua própria lei e escrituras sagradas. Ela foi fundada na antiga Pérsia, onde hoje é o Irã, em 1844 por Bahá'u'lláh, título de Mirzá Husayn Ali, e desde a revolução islâmica de 1979 é perseguida pelo governo.

Os líderes foram presos em 2008 e condenados há 20 anos de prisão.

O internauta José Carlos Pereira de Carvalho, do Rio de Janeiro (RJ), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

vc repórter
Compartilhar
Publicidade