2 eventos ao vivo

vc repórter: prefeito reeleito de cidade mineira morre aos 64 anos

10 dez 2012
17h33

O prefeito reeleito de Capelinha, Pedro Vieira, 64 anos, morreu na tarde de domingo, 9, no hospital Felício Rocho, em Belo Horizonte, Minas Gerais. De acordo com a assessoria de imprensa da prefeitura, Vieira estava internado no hospital para a desobstrução de uma artéria, mas antes mesmo de fazer o cateterismo sofreu duas paradas cardíacas e não resistiu.

O prefeito foi enterrado na tarde desta segunda-feira, no Cemitério Municipal de Capelinha, com a presença de cerca de 5 mil pessoas. A prefeitura decretou luto de sete dias pela morte de Pedro Vieira.

De acordo com a assessoria do órgão público, na madrugada de sábado, 8, Vieira, que tossia com frequência, sentiu falta de ar. Por ser médico, decidiu ir ao hospital da cidade na manhã do mesmo dia para fazer um exame de raio-X. O prefeito desconfiou então de uma pneumonia ou até mesmo de um tumor, já que no resultado do exame uma mancha aparecia em seu pulmão.

Vieira preferiu aprofundar os exames e teve a ideia de ir para Belo Horizonte fazer uma tomografia. Já na capital mineira, chegou ao hospital e os médicos decidiram interná-lo, constatando o problema de obstrução de uma veia em seu coração.

Um cateterismo foi marcado para o domingo. No entanto, quando Vieira se dirigia para a mesa de cirurgia sofreu duas paradas cardíacas e morreu.

A vice-prefeita Hedy-Lamar Cordeiro assumirá até o fim do ano o cargo em Capelinha às 13h desta quarta-feira. No dia 1º de janeiro, Zezinho da Vitalina (PMDB), que fazia parte da chapa de Vieira, assumirá o cargo.

O internauta Gomes Malaca, de Malacacheta (MG), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

vc repórter

compartilhe

publicidade