1 evento ao vivo

vc repórter: parentes de vítimas da Candelária fazem passeata no Rio

19 jul 2013
16h55
atualizado às 21h22
  • separator
  • 0
  • comentários

Centenas de pessoas participaram de ato em homenagem às vítimas da chacina da Candelária durante a manhã e o início da tarde desta sexta-feira, no Rio de Janeiro. Portando cartazes e faixas, parentes, amigos e cidadãos solidários aos oito mortos no episódio que chocou o País em 1993 compareceram a uma missa na Candelária seguida de passeata pelas ruas do centro, encerrada na Cinelândia.

Centenas de pessoas participaram de missa e passeata em homenagem às vítimas da chacina da Candelária, no Rio de Janeiro
Centenas de pessoas participaram de missa e passeata em homenagem às vítimas da chacina da Candelária, no Rio de Janeiro
Foto: José Carlos Pereira de Carvalho / vc repórter

Segundo informações da Polícia Militar, que estimou o público em 300 pessoas, o ato foi pacífico, como havia ocorrido em vigília realizada pela mesma causa na noite da última quinta-feira. Além de relembrarem o episódio exibindo o nome das vítimas, os participantes aproveitaram para levantar outras bandeiras, como o fim de crimes de extermínio, da corrupção e da pedofilia.

<p>Além de relembrar o episódio, participantes pediram o fim dos extermínios</p>
Além de relembrar o episódio, participantes pediram o fim dos extermínios
Foto: José Carlos Pereira de Carvalho / vc repórter

A chacina
Cerca de 70 crianças e adolescentes foram caçados nas proximidades da igreja da Candelária, situada no centro do Rio de Janeiro, por um grupo de extermínio formado por policiais militares e civis. Oito delas morreram.

Quatro policiais militares foram condenados pelo crime, ocorrido em 23 de julho de 1993. Três deles - Marcus Vinicius Borges Emmanuel, Nélson Oliveira dos Santos e Marcos Aurélio Dias Alcântara - cumpriram parte da pena, e estão em liberdade. Já Mauricio da Conceição, que era conhecido como Sexta-Feira 13, faleceu.

O internauta José Carlos Pereira de Carvalho, do Rio de Janeiro (RJ), participou do vc repórter, canal de jornalismo participativo do Terra. Se você também quiser mandar fotos, textos ou vídeos, clique aqui.

vc repórter
  • separator
  • 0
  • comentários
publicidade